QUEM NOS APOIA:

Ligue:

(71) 3644-2068

(71) 3040-0143

Endereço: 

Matriz: Av. Concêntrica, n.º 02, Alto da Cruz, 42803-121, Camaçari-Bahia-Brasil.

Filial: Rua Alto dos Noivos, nº52, Bairro dos 46, 42809-058, Camaçari-Bahia-Brasil.

Nos acompanhe nas redes sociais:

© 2017 por Associação Paulo Tonucci. Orgulhosamente criado por apito.org

Projeto articular juventudes

O projeto articular juventudes foi o meio que encontramos de unir e capacitar jovens moradores de Camaçari para compreenderem as politicas publicas e politica de proteção à juventudes adolescentes e criança. O projeto foi criado por que o município de Camaçari apresenta-se na quinta posição de homicídios e violência contra os jovens, a maioria desses jovens  vem de família carente que são oriundos de negros e pardos, abandonam a escola e 90% deles usam algum tipo de droga ou bebida alcoólica.   

O Articular Juventudes objetiva realizar ações que promovam a reflexão-ação sobre a conjuntura política nacional e incentivar a participação de jovens nos espaços de monitoramento das políticas públicas para a juventude. A formação é realizada por meio de atividades socioeducativas na perspectiva metodológica da arte-educação. O Projeto tem como público referencial e jovens, de 10 a 20 anos, moradores do município de Camaçari.

O projeto vem sendo desenvolvido em uma velocidade crescente, começando a dar frutos e incentivando todos os jovens que dele tem conhecimento. Um dos jovens participante do projeto disse “acredito que um dos objetivos do projeto, como o próprio nome do projeto propõe é fazer com que a juventude se articule e tome conta de lugares feitos para eles na sociedade”, como foi dito em um dos encontros, que a juventude atualmente não tem se faz muito presente na política. 

 

Como foi nossa mobilização de recursos.

A mobilização de recursos para o desenvolvimento do projeto foi feita pelos jovens que participam de um grupo apoiado pela Associação Paulo Tonucci realizaram ações (festival de prêmios, rifas, passando o chapéu e festivas) para arrecadação do dinheiro que foi complementado com o apoio da CESE (Coordenadoria Ecumênica de Serviço).